quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Sinfonia natural

Foto: Olivier Ramonteu
Quem me garante
o fio da meada
o palheiro da agulha
fagulha por dentro

Ah! Quem me garante
a volta para casa
a resposta bem dada
lambida no lábio
superior
também inferior


Quem me cerceia
dividido está
cruz da espada
sorte ou azar
difícil conter
meus pensamentos
pedradas garantidas

Quem me garante
o abrir do olho
o gozo prolongado
cheiro
deito nesse corpo
espalho
malho
desmaio lutas interiores
são os lugares melhores


sequer um tal
olho de soslaio
conhece


Quem me garante?
Pois é!
Somente eu
caráter
formador de mim


Sinfonia natural

Joice Furtado - 20/09/2012

1 comentários:

Lua Negra disse...

Dúvidas constantes e respostas nem sempre simples, mais só nós mesmo para saber...

Lindo lugar, lindas palavras, parabéns.
Seja sempre bem vinda no mundo da 'natureza de lua negra'
Feliz final de semana.
Abraços de luz.
Lua
http://naturezadeluanegra.blogspot.com.br/